PÉS DE GALINHA, 
O QUE SÃO E COMO TRATAR

Exemplo de imagem
Os pés de galinha nada mais são que aquelas rugas que surgem na região periocular - ao redor dos olhos. Elas são estimuladas a partir do movimentos repetitivos do rosto e do processo de envelhecimento da pele que sofre com a perda de colágeno. Mas essas rugas e podem ser minimizadas com alguns tratamentos não cirúrgicos. Confira:

Botox: a aplicação da toxina botulínica (ou botox como é popularmente conhecida) atua a partir do enfraquecimento ou paralisia dos músculos, a fim de atenuar os pés-de-galinha.

Fios de sustentação PDO: eles formam uma malha que dá sustentação aos tecidos, estimulam a produção de colágeno, mantendo a pele mais firme por muito mais tempo e ativam o processo natural regenerativo devido à estimulação mecânica da cicatrização e contração do tecido.

Laser CO2 fracionado: Ele estimula a produção de colágeno e também uma retração da pele, causando esticamento e melhora dos pés de galinha.

Skinbooster: O tratamento é realizado com injeções de ácido hialurônico na derme, camada intermediária da pele. A substância atrai e mantém as moléculas de água ao seu redor e, com isso promove o aumento da espessura, da maciez e do viço da pele. O Skinbooster através de sua ação de hidratação profunda gera maior suavidade, elasticidade e firmeza à pele.

Preenchimento com ácido hialurônico: o ácido hialurônico é uma substância naturalmente presente no organismo humano. Ele atua na pele preenchendo o espaço entre as células, o que a mantém lisa, elástica e bem hidratada. Porém, com o tempo, sua concentração na pele diminui o que causa o aparecimento de rugas. Através deste tratamento é possível devolver à pele o ácido hialurônico responsável por manter a pele lisa, elástica e bem hidratada.

Para saber qual é o procedimento ideal para você, é essencial consultar um especialista.